O novo ataque Kester, nossa recuperação e o meu orgulho em um dia ter pertencido a Mariana Monary

Ao longo das últimas horas, o Portal Kester enfrentou seu primeiro grande teste em 2019.
Criminosos invadiram nossa sede em São Paulo e roubaram nossos servidores, tendo assim acesso a nosso site.
Eles controlaram tudo por cerca de 36h, quando recuperamos o comando das coisas, e direcionamos o site para um novo servidor.

Neste caminho foram feitas uma série de postagens, das quais algumas que me citavam.
Gostaria de esclarecer a todos, que com muito orgulho eu namorei Mariana Monary há alguns meses atrás.
Ela é uma pessoa incrível, de um caráter sem igual, e dona de um coração incomum.
É a menina mais doce e especial que eu já conheci, por quem tenho um carinho, um respeito, uma admiração e um amor enormes.
Nossa relação terminou e seguimos com as nossas vidas, mas o que tivemos ficará guardado para sempre, tenho certeza mais que absoluta de que tanto nela quanto em mim.
E tenho certeza também, que ela ficou feliz por ter sido minha namorada.
Durante o tempo em que estivemos juntas, nos dedicamos ao máximo para que uma pudesse fazer a outra feliz, e conseguimos.
Não vem ao caso o por qual motivo terminou a relação.
O que vem ao caso é que temos muito orgulho das nossas opções e escolhas.
Assim como eu e ela, Larissa Mariana e outras colaboradoras que passaram pela equipe Kester, tem este mesmo posicionamento.
Nossa equipe não tem preconceitos, contra crenças, classe social, deficiências ou orientação de gênero.
Somos felizes e unidos pelo que somos e pelo que construi-mos, e estamos juntos para o que der e vier, sempre!
Em resposta aos criminosos digitais, a Ministra do Presidente Damares Alves disse que meninos usam azul, e meninas rosa.
Antes de eu responder a cor que eu uso, gostaria que ela explicasse de fato o que ela é, já que sua roupa era azul no dia de sua posse.
Com a palavra, a Ministra sem noção.

Em relação a minha cor, eu uso a cor que me faz bem, que me faz sentir feliz, e que me permite escrever
"A maldade humana não pode ser maior do que a força da verdade", e nunca o será.